Powered by ProofFactor - Social Proof Notifications
tantra

Um pouco mais sobre o Tantra

A visão do tantra em meio a grande maioria pode ser um tanto desfocada, o que sem dúvida acaba passando uma imagem diferente do que o Tantra realmente pode representar.

Fala bixo, como você está?

O assunto de hoje é um tanto controverso, e pode gerar um grande debate sobre seu conceito e seus “benefícios” digamos assim. Provavelmente, você já ouviu falar em tantra, mas a grande questão é: O que você ouviu falar?

Em uma rápida busca pela internet é possível ter uma descrição do que é o tantra: “Uma técnica para que você possa desenvolver sua sexualidade, e elevar o prazer no sexo.”  

De cara, posso te dizer que essa é a imagem um tanto distorcida do tantra. O tantra é bem mais que uma massagem, ou qualquer outra técnica que leva mais para o lado sexual.

Nesse momento você deve  estar se perguntando: “Então, o que é o tantra?”

Vamos a resposta:

O verdadeiro Tantra

Antes de mais nada, é preciso entender o significado do tantra desde sua criação. Criado no Oriente, desde o início o foco principal da ciência sempre foi o encontro com sua alma gêmea, e a possibilidade de criar uma, caso você não a encontre você.  

Não entendeu? Calma, eu te explico: Encontrar a alma gémea nada mais é, do que encontrar alguém que se conecte com seus 7 chakras de forma natural.

+ Veja também: O que é Eutonia?

Isso é algo lindo! Mas, na vida real é algo extremamente raro de acontecer. Estamos falando de encontrar alguém perfeito para você! É exatamente aí, que entra o conceito de “criar uma alma gêmea”.

A criação da alma gêmea

Como isso é possível, e como fazê-lo? Através do tantra é possível realizar uma profunda transformação nos seus centros, ao mesmo tempo que modifica os centros do outro, criando assim um ritmo único de harmonia entre os dois.

Osho compara o tantra, como a chegada da eletricidade em sua casa. Imagine que você pode utilizá-la sempre que julgar necessário, e fazer uso de várias formas, seja no quarto ou não.

Seus centros são pontos de energia em um corpo que é uma longa corrente elétrica bastante sútil, mas que quando desenvolvida e ativada, pode ir mais profundamente que qualquer outra coisa.

É exatamente por isso, que o tantra aborda os centros a milhares de anos, devido a sua importância e acima de tudo, por sua capacidade de modificação e de ajustes.

+ Veja também: Parque de diversões – Nossos corpos

Através das técnicas do tantra seus centros podem ser moldados, facilitando a formação de almas gêmeas e sua profunda conexão.

De modo simples e direto, podemos dizer que o tantra não é uma terapia sexual, e sim a transformação de amantes comuns em verdadeiras almas gêmeas. Ou seja, o tantra é muito mais que sexo, o tantra é a constante transformação e evolução.  

Você já conhecia esta visão do tantra? Imaginava o quão profundo ele poderia ser?

Compartilhe em suas redes sociais para que todos entendam esse significado profundo e transformador.

Se quiser, deixe aqui nos comentários sua visão sobre, ou até mesmo alguns assuntos que queira ver aqui.

Logo voltaremos com muito mais sobre esse e outros assuntos.

Grande abraço e muita gratidão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *